sexta-feira, 15 de janeiro de 2010


O que serão dos meus sonhos

Às vezes me pego pensando sobre o que será do meu futuro. Será que minhas decisões estão corretas, será que estão me levando a uma fase melhor, ou não? Sinceramente não tenho certeza, mas tento acreditar todos os dias da minha vida que tomei a decisão certa, porque fui guiada pelos meus sonhos. São eles que alimentam minha alma, que me estimula que me motiva e que principalmente me faz feliz. Eu sonho acordada, idealizo e só de pensar já me sinto bem, imaginando quando eu conseguirei realizar. Particularmente, tenho muitos sonhos... E sei que são saudáveis. E ainda não me contento com todos... Sonho pelos os outros também. Pois é, ainda sonho pelos outros e o melhor é que esses são os mais importantes para mim. =) E quando eu realizar estes? Será que terei outros? Será que vou conseguir acreditar amanhã, como acredito hoje? Às vezes me dá um medo de me tornar uma velha sem esperança e motivo para viver. Pois bem, mas enquanto isso não acontece, enquanto sou todos os dias, alimentada por eles, tenho grandes motivos para viver e ser feliz. Por isso amigos, eu quero te aconselhar: "nunca esqueça em hipótese alguma seus sonhos, são eles que te guiará. São eles que vão te alimentar quando te faltar esperança... Quando você se encontrar perdido, pare e lembre-se de como um dia você teve motivos para viver e peça a Deus que faça florescer em seu coração tudo aquilo que um dia você chamou de SONHO".

sábado, 9 de janeiro de 2010

Lugares Proibidos

Eu gosto do claro quando é claro que você me ama
Eu gosto do escuro no escuro com você na cama
Eu gosto do não se você diz não viver sem mim
Eu gosto de tudo, tudo o que traz você aqui
Eu gosto do nada, nada que te leve para longe
Eu amo a demora sempre que o nosso beijo é longo
Adoro a pressa quando sinto
Sua pressa em vir me amar
Venero a saudade quando ela está pra terminar
Baby, com você já, já

Mande um buquê de rosas, rosa ou salmão
Versos e beijos e o seu nome no cartão
Me leve café na cama amanhã
Eu finjo que eu não esperava
Gosto de fazer amor fora de hora
Lugares proibidos com você na estrada
Adoro surpresas sem datas
Chega mais cedo amor
Eu finjo que eu não esperava

Eu gosto da falta quando falta mais juízo em nós
E de telefone, se do outro lado é a sua voz
Adoro a pressa quando sinto
Sua pressa em vir me amar
Venero a saudade quando ela está pra terminar
Baby com você chegando já

Helena Elis

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Eu não sei explicar... Mas é bom. Como é bom.
É ardente, É seco, É frio, É cortante.
Dói, machuca, feri.

Mas é bom.

É incalculável, É novo, É extravagante.
É isso é bom. Me faz sonhar, me faz buscar, me faz feliz, me faz crescer, me faz brilhar.
Me trás lembranças e também esperança.Me traz sorrisos e de troco uma adrenalina...
As vezes me chatea, Mas é bom!

E Por tudo... É BOM!

sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Feliz Ano Novo! =)

Que Deus abençoe cada passo percorrido.
Que Ele esteja presente em cada gesto, em cada palavra e também em cada pensamento.
Que possamos escutar cada palavra dita.
E Que neste ano exista amor com mais verdade dentro de cada um de nós.
Desejo a todos um ano coberto de Graça, Paz, Saúde e Sorrisos.
Feliz 2010!!!
Tchin, Tchin!