terça-feira, 18 de maio de 2010

Estou com muitas saudades...
Como posso esquecer-te?
Cantarolo, Danço e Brinco... Visto uma capa... Faço toda uma maquiagem... Mas não consigo...
Já supliquei a Deus que te tirasse dos meus sonhos...
Já te matei e te velei um milhão de vezes, Mas você insiste em ressurgir das cinzas como uma fênix.
Sei que não sabe, nem imagina a sinceridade dos meus sonhos... Mas eu cismo em escrever com sutileza sobre o que sinto. Ainda que todas essas palavras se percam ao vento.

Em outros tempos... Mas ainda para vC!

Um comentário:

  1. sobre certos assuntos não sou a pessoa + apta para comentar...
    então reze moçoila.


    (sempre penso q vc não vê meus comentários)

    ResponderExcluir